segunda-feira, 18 de abril de 2016

[Livro] O Céu é Logo Ali - Lilian Farias

O ceu  logo ali

Clarice era tudo que Dolores queria ser, intensa e enérgica, aproveita tudo que a vida tem a oferecer sem se importar com a opinião dos outros. Estudou nos melhores colégios, namorava o cara perfeito, conquistava a todos com o seu lindo sorriso, divertida e cheia de energia, era companhia perfeita. Uma borboleta livre em um campo de rosas.
 
Dolores era tudo que Clarice não queria ser, trancada em seu mundo depressivo, sozinha e isolada, servia cafezinho em um bar. Sua alto-estima era pisoteada por todos, inclusive por ela, sem sonhos, sem esperança, se realizava assistindo romances na TV, ou quando conseguia tomar um banho de chuva. Um casulo prestes a virar borboleta.
 
o ceu  logo ali 5
 
Duas mulheres extremas que por uma rasteira do destino trocam de papeis. Clarice tem suas asas cortadas, presa em uma cama suplica que Deus tenha piedade dela e acabe com aquele sofrimento. Dolores sai do casulo e experimenta um pouco da vida, cheia de desejos e vontade de ser amada, pela primeira vez se liberta de tantas amarras e vai amar, simplesmente.
 
Após um trágico acidente Clarice perde tudo que tinha, presa em uma cama conseguiu transformar a vida dos que se dedicaram a cuidar do seu sofrimento, sonhava calada com o dia que poderia ter sua liberdade de volta e pudesse assim retornar a vida. Passou a ser uma questão de tempo e de descobertas, mas acima de tudo, proporcionar um novo sentido a vida.
 
o ceu  logo ali 2
 
Um desconhecido se encanta com o jeito de Dolores, pede um café e ela recua, prefere atender seu amigo que todas as manhãs estava ali, esquizofrênico que colocou na cabeça que era seu namorado, mas ela não se importava, mas ele acreditava que essa borboleta ainda ia criar asas. O desconhecido reaparece e quebra aquele casulo, o campo de rosas estava ali, só faltava ela voar.
 
Poético e cheio de significados, a história dessas duas mulheres vão se entrelaçando, se organizando como se fossem apenas uma, apenas uma poderia ficar no palco, mas a outra se tornava tão essencial quanto aquela. Os capítulos iam se dividindo entre as protagonista, mas os personagens secundários também tinham a sua vez, eles também tinham o que ensinar.
 
o ceu  logo ali 3
 
Escrita leve e bem construída, enredo redondo, sem pontas e com o final surpreendente. O que mais gostei da leitura é que não existe grandes atos para ter uma transformação, a história e os fatos vão acontecendo e a magnitude é pautada pelos sentimentos, toda grande transformação é interna. O desejo de liberdade só cresceu após a leitura, a vontade de aproveitar o mundo, de sentir ao máximo, de me entregar. Obrigada Lilian pela leitura transformadora!
 
o ceu  logo ali 4
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário