segunda-feira, 21 de setembro de 2015

[Inspiração] Portraits - Ilustração

O sonho de qualquer artista é ter seu trabalho reconhecido por formadores de opinião, imagina se for alguém conhecido mundialmente? A guinada que qualquer artista gostaria de ter em sua carreira. Recentemente o ator Ashton Kutcher COMPARTILHOU o trabalho do ilustrador cearense Julio Cesar Negreiros em seu Facebook, a publicação teve mais de 3.000 compartilhamentos, 46.000 curtidas e 200 comentários, tudo isso de forma espontânea. O resultado disso? Reconhecimento.

Portraits é uma série de ilustrações desenhadas a partir de fotografias, mas se engana quem pensa que o objetivo foi fazer cópias fieis e realistas, o desejo do artista era apenas praticar o estilo e desenvolver o traço, mas acabou saindo uma série de ilustrações fofas com garotas mega expressivas, o que gerou diversos compartilhamentos e fez sucesso nas redes sociais.

Além desse, o artista tem diversos outros projetos, mas é notável a presença de garotas tatuadas e a moda dos anos 80 e 90. Sua grande inspiração são os desenhos da Pixar, Disney e ilustradores como Rayner Alencar, Anna Cattish e Jamie Hewlett. Atualmente o Julio Cesar faz freelas, produz estampas para a loja Tilt Camisetas e produz alguns trabalhos para o canal Nickelodeon.












quinta-feira, 17 de setembro de 2015

[Livro] O Segredo de Eva - Adriana Vargas

O Segredo de Eva

Muita calma nessa hora! Antes de dizer se gostei ou não da leitura, tenho que colocar na balança a minha expectativa, o estranhamento diante da alma poética da autora e meu lado feminista. Quem acompanha a Adriana Vargas nas redes sociais sabe que ela sempre está postando trechos de suas obras e CLARO que isso me gerou altas doses de expectativa. A autora e seus personagens possuem uma alma bem poética, fazendo com que o enredo seja desenvolvido a partir de seus sentimentos, gerando cenas um pouco metafóricas, abstratas, irracionais.

Eva se fechou para o mundo depois de um relacionamento conturbado, ninguém tinha mais acesso ao seu coração, nem mesmo os seus melhores amigos, ela tinha se transformado em uma mulher amarga e fria. Talvez a única brecha desse muro que ela construiu em volta de si fosse seus livros, os leitores conseguiam ter acesso aos sentimentos dela, afinal Eva amava escrever.

O Segredo de Eva2

Tom é um grande admirador de seus livros, encontrar Eva foi quase um sonho, se aproximar dela era inevitável. As conversas aconteceram inicialmente por insistência de Tom, ele se tornou quase um maniaco por ela, depois o muro despencou e eles conseguiram viver uma torrida paixão, mas um segredo permanecia entre os dois. 

Christofer descobriu recentemente que é soro-positivo, o que acabou com o seu relacionamento com o namorado. Tabata tem relacionamentos com mulheres, mas sua vida tomou outro sentindo quando descobriu que estava grávida. Samantha também estava grávida, noiva e feliz. Eva divide um apartamento com todos eles, até cada um dar um rumo em suas vidas deixando Chris sozinho. 

O Segredo de Eva3

O enredo vai se desenrolando através do ponto de vista de Eva, seus sentimentos vão descrevendo as cenas o que torna tudo muito intenso, apesar de confuso as vezes, pois ela se imagina em outras situações da maneira que ela queria que acontecesse, mas não é real. O romance de Eva e Tom é devastador, temos a sensação que eles vivem um ano em um dia, tudo é muito intenso.

O Segredo de Eva5

O final é surpreendente, durante todo o enredo você tem pistas que aquilo estava acontecendo, pistas que na leitura você não compreendia exatamente a razão, mas tudo se explica no final. Talvez eu teria separado mais páginas para o amor devastador de Eva e Tom, também teria dado uns tapas na cara de Eva e gritado "Reage mulher! Reage!" para não ter passado 70% do livro chorando e sofrendo.

O Segredo de Eva4

Os personagens não me ganharam, Eva sofre demais, Tom poderia ter tido uma atitude de homem, aquela que ele teve no final do livro, mas que não fez ha tempo. Chris tinha tudo para ser divertido, mas sua alegria não teve espaço, apesar dos pesares. Tabata e Samantha também poderiam ter tido mais espaço. Apesar de todos os fatos, minha vontade era dar uns tapas na cara de cada um e mandar engolir o choro. #soudessas

Como disse no começo, não sei se gostei da leitura, apesar desses detalhes gostei do enredo em si, achei muito forte e intenso, a história te prende do começo ao fim. A diagramação está linda, cheia de detalhes que encanta qualquer leitor. O livro passou por repaginadas, li a primeira versão de O Segredo de Eva, então não sei se teve alterações na história em si, ou se só foi acertos como a revisão ortográfica, mas fiquei com vontade de ler os demais livros da autora e conferir seu crescimento. 

domingo, 13 de setembro de 2015

[Divulgação] O Sorriso da Esfinge - José Domingues


A literatura cearense ganha mais um escritor de sucesso, o designer José Domingues prepara o lançamento de seu primeiro romance, O Sorriso da Esfinge. E por enquanto aguardamos, já podemos conferir o PRIMEIRO CAPÍTULO do enredo da relação de Capanema e Emanuela. Aproveitem!

"O romance é ambientado em 1872 (Segundo Reinado), no Rio de Janeiro e, narrado na primeira pessoa, por Juan Álvaro, amigo do famoso arqueólogo Guilherme de Capanema, vulgo Hermes Di Capa.
A história começa quando, Capanema, ao receber um pacote, encontra, dentro deste, um antigo pergaminho contendo inscrições fenícias. Traduzida a mensagem, fica evidente a ligação da Pedra da Gávea ao tesouro do rei Badezir (855 a 850 a. C.).
Associando as informações com várias referências históricas, Di Capa decide fazer uma excursão à imponente montanha, em busca do possível tesouro.
Contudo, para complicar, Emanuela, amiga de infância do grande arqueólogo, retorna do Egito, acompanhada de seu marido, Mahir Aziz, um árabe rico e ambicioso. Resultado: uma paixão há muito adormecida, desperta, abalando, dessa forma, os alicerces do coração de Capanema.
No decorrer dos acontecimentos, uma série de eventos estranhos culminam em duas mortes misteriosas, levando a crer que, forças antagônicas querem impedir que Di Capa consiga atingir sua meta.
No desenvolvimento da história, diversas reviravoltas mudam, constantemente, a estrutura do cenário. A suspeita de ter um assassino infiltrado no grupo, conspirações frequentes e o romance proibido de Capanema com Emanuela, formam os pilares que sustentam "O sorriso da Esfinge".
Com ilustrações de Debret, Rugendas, entre outros, que dão vida ao cenário da época, a obra favorece à pesquisa e conhecimento de fatos históricos que não constam nos livros de História.
Um toque shakespeariano e uma pitada de Hitchcock amarram todo o enredo, culminando e um final surpreendente" - Blog O Sorriso da Esfinge

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

[Book Tour] Tempestade de Areia, Karen Soarele - INSCRIÇÕES ABERTAS


O Book Tour da Capsula está com mais uma novidade sensacional, agora os participantes vão poder ler a continuação do livro Línguas de Fogo da Karen Soarele, a autora disponibilizou Tempestade de Areia para o BT ficar ainda mais completo. Então quem tiver interesse é só preencher o FORMULÁRIO (existem outros livros disponíveis também), ou mandar um e-mail com nome, blog, Skoob, Facebook e endereço completo para neyara@gmail.com.

Tempestade de Areia - Karen Soarele
Ao pensar que sua jornada chegaria ao fim, Aisling descobre que aquele era apenas o início. Munidos da localização da Fortaleza da Resistência, o exército de Vulcannus avança, ameaçando o sonho de uma Hynneldor livre.

Nessa sequência de Línguas de Fogo, Aisling deverá escolher entre voltar para casa com Dharon ou entregar uma importante mensagem à capital de Datillion. Enquanto isso, seus amigos enfrentam antigas lembranças e buscam, uns nos outros, forças para seguir em frente.

Muitos perigos e aventura aguardam nessa jornada, que levará o leitor a territórios inexplorados do mundo mágico de Myríade.



Se você ainda não tiver lido Línguas de Fogo, o primeiro livro da série Crônicas de Myríade, deixei ele também disponível no BT, então se você quiser ler os dois livros da série é só informar, só não pode deixar de participar e conhecer o reino de Myríade! ;)

Línguas de Fogo - Karen Soarele
Aisling é uma jovem camponesa que vive numa área remota de Vulcannus, o reino mais poderoso de Myríade.

Entretanto, um acontecimento vem para mudar completamente sua vida: seu melhor amigo, Dharon, é ferido em batalha enquanto tentava protegê-la, e a única chance que ela tem de salvá-lo é deixar para trás tudo o que conhece e atravessar a fronteira até o território inimigo, onde pode encontrar o antídoto para o veneno que o consome.

Em sua jornada, Aisling se defrontará com diversos perigos, descobrirá que toda história possui mais de um ponto de vista e aprenderá que nas amizades verdadeiras está a força para seguir pelo caminho correto.



REGRAS DO BOOK TOUR DA CAPSULA:
1 - Para se inscrever basta preencher o FORMULÁRIO ou enviar um e-mail para neyara@gmail.com.
2 - Cada blogueiro terá 20 dias para ler o livro e mais 5 dias para postar a resenha no Blog e no Skoob. Enviar o link da resenha para o e-mail: neyara@gmail.com.
3 - Ao finalizar a leitura o blogueiro deverá enviar o livro para o próximo participante por correio, é recomendado o "registro módico", pois é mais barato. O código de rastreio deve ser enviado imediatamente para o e-mail: neyara@gmail.com.
4 - A organização do BT da Capsula é feita através de e-mails, por isso é importante que você mantenha o seu cadastro atualizado.
5 - Curta as páginas Crônicas de Myríade e Capsula de Banca.

bonne nuit, bonne chance

terça-feira, 8 de setembro de 2015

[Livro] As Faces da Luz - Tatiane Durães

as faces da luz

O primeiro pensamento que eu tive quando me deparei com As Faces da Luz é: Quero esse vestido AGORA! Creio que o desejo de vestir algo parecido e girar enlouquecidamente até sair pontos de luz não foi um desejo solitário, aliás a capa é tão linda que se você fechar os olhos com atenção, os vaga-lumes são mais do que perceptíveis. Mas confesso que ao ler a sinopse tive medo de ser mais um livro sobre alguém que descobre que é mágico e salva o mundo, mas... é bem mais do que isso, o enredo é apaixonante e te prende do começo ao fim.

Tayara mora sozinha com a mãe, Sônia, em uma casa rodeada por uma reserva ambiental, ela fica um pouco distante da cidade fazendo com que qualquer movimentação anormal seja logo questionada. Olhos no meio da mata logo assustam a menina, um lobo imenso surge levando elas para Arcantatys, um mundo habitado por elfos, bruxas, lobos, fadas, vampiros e todos os seres imaginários que achávamos que existia apenas em livros.

Assustadas, o Rei Cedric tenta explicar o motivo delas terem sido trazidas para a aldeia, o mal ameaçava o local novamente e para impedir que o pior acontecesse, era necessário que as forças fossem unidas. Sônia é descendente de elfo, seu pai era o príncipe de um reino que se dispersou, fazendo com que ela fosse a Rainha por direito, Cedric é o rei de outro reino, o casamento de ambos deixaria os elfos mais fortes e preparados para a batalha.

as faces da luz 2

Algo que eles não esperavam é que Tayara fosse a reencarnação de Agatha, uma das bruxas mais poderosas de Arcantatys e responsável por um rastro de destruição deixado no local. Esse passado tenebroso da garota fez com que todos tivessem medo do que poderia acontecer, pois não era só um detalhe, ela tinha magia negra em seu sangue e não tinha o menor controle disso. Buscando aprovação de todos e tentando provar que ela só queria o bom deles, ela se aventurou em todas as batalhas para provar que poderia ser alguém confiável e que a magia poderia ser usada a favor de todos.

Aodh é o elfo que arrancou suspiros da garota e protagonizou cenas quentes no enredo, mas o que ela não sabia é que ele lutava contra uma maldição, o que colocava em cheque o romance deles. Depois surge Edwin, Ariosto, Kabza, Nasser, entre tantos outros personagens que vão movimentando a história e arrancando diversos suspiros dos leitores.

Confesso que o casal principal (Tayara e Aodh) não me comprou, tive raiva dele e dela diversas vezes, ela sempre teimosa achando que é a toda poderosa e ele arrogante, mas lá na frente aparece um tal lobo e um elfo que arranca suspiros de qualquer leitor. PELO AMOR! Outro ponto que fiquei me questionando é o fato de Sônia e Tayara não terem se preocupado muito com suas vidas de humanas, elas simplesmente foram e joinha.

as faces da luz 3

Nessa batalha do bem contra o mal foi bem interessante ver o preconceito que as espécies sofriam umas com as outras, mesmo todas querendo o mesmo objetivo, elas desconfiavam uma das outras, brigavam, mediam forças, invés de simplesmente se juntarem e lutarem pelo objetivo em comum, essa incoerência lembra uma tal espécie chamada humano.

Amei a descrição das transformações da Agatha, GENTE QUE VESTIDO É AQUELE?! parecia que ela estava se transformando na nossa frente, que o ar ficava mais denso, que o mundo parava por um segundo para ver ela surgindo. As descrições dos cenários e das roupas são fantásticas, sua imaginação voa com tantos detalhes, expressões e sons.

E naquele momento que você pensa que a batalha foi vencida, acontece tantas reviravoltas para lembrar que a guerra ainda está longe de acabar. O leitor acaba ficando sem folego, pois a escrita da Tatiane Durães é tão fluida que perdemos a noção do tempo e quando percebemos já estamos quase lutando junto com os lobos, vampiros, elfos, bruxos de tão envolvente que a história é. AMEI conhecer o mundo de Arcantatys, só limparia mais o texto, creio que algumas falas explicativas são dispensáveis. E o vestido gente? O VESTIDO GENTE!

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Moedas Comemorativas - Olimpíadas 2016

Objeto de circulação legal que traz em seu verso um trechinho documental da história do Brasil. Acabamento requintado fazendo com que o objeto seja considerado uma obra de arte. Tiragem limitada conferindo raridade as peças e fazendo com que seu valor aumente no decorrer do tempo. As moedas são objetos tão comuns em nosso cotidiano que esquecemos de prestar atenção em seus detalhes e muitas vezes em seus desenhos com trechos históricos, fazendo com que eles passem desapercebidos.

Recentemente o Banco Central lançou a coleção de moedas comemorativas referentes aos Jogos Olímpicos do Rio 2016 e claro, elas já estão começando a ir para a minha coleção. Além de moedas comemorativas, gosto de colecionar moedas de outros países, além da história de seus locais de origem, representam também as minhas viagens. Já tenho 6 moedas dos Jogos Olímpicos de circulação comum das 16.



As moedas de circulação comum, as moedinhas de 1 Real tão queridas por qualquer cofrinho, trazem como tema principal os esportes Olímpicos e Paraolímpicos, entre eles está o atletismo e a natação, esportes que mais trouxeram medalhas ao Brasil na história dos jogos, o golfe, que volta aos jogos após 112 anos, o paratriatlo, que faz a sua estreia na competição. E então, o que você coleciona? :)

sábado, 5 de setembro de 2015

A Espera do Tempo Perdido


Acordei com um suspiro forte, olhei para os lados e fixei o olhar no teto repassando o que deveria fazer durante aquele dia. Fechei os olhos novamente e desejei que algo de mágico acontecesse, um telefonema, um e-mail, uma carta, um telegrama, qualquer uma das opções já seria revolucionária, queria apenas que uma delas chegasse. Depois de alguns segundos, tomada por um suspiro que buscava forças de onde quer que fosse, levantei, tomei um banho, preparei um café bem quente e parti.

Enfrentava mais um dia de salas de espera, pessoas ocupadas e um mundo mal humorado. Ser representante de medicamentos não foi uma escolha, só mais uma tentativa insana de achar a peça que faltava. No inicio foi calmo, não encaixava, mas era só mais uma onda a ser enfrentada. Depois o clima começou a ficar tempestuoso, as ondas quebravam cada vez mais fortes e eu começava a me afogar. Permanecia no fundo do mar, era o meu esconderijo, as ondas quebravam, a tempestade continuava, eu permanecia escondida no fundo do mar, sentia o turbilhão passando, mas nada podia me atingir, só permanecia paralisada, suspirando, suspirando. 

Sentada em um sofá, aguardando mais uma "brechinha" no horário de quem iria me atender, observava o relógio pendurado na parede oposta, cada minuto que passava sentia como se fosse um minuto perdido, um minuto sem ter feito algo que pudesse mudar aquela espera. Todos os dias escolhia atividades de escape para aqueles momentos, mas nada conseguia suprir aquela sensação de que o tempo estava se esvaindo e que eu não tinha coragem o suficiente para tomar uma atitude de verdade. Permanecia paralisada, apenas suspirando.

*personagens e história fictícia.