terça-feira, 17 de abril de 2012

[Livro] Draco Saga: O Despertar - Fábio Guolo



Esse post é parte do "Um Desafio Realmente Desafiante" do blog Silêncio que eu to lendo, e do Book Tour Draco Saga, que por coincidência satisfazia a minha meta de Março: Ler um livro com a capa verde, vermelha ou azul. Estou um pouco atrasada com o desafio, mas pretendo deixa-lo em dia em breve.

* * * * * *

Draco Saga é a obra de estreia do mestre de RPG Fábio Guolo. Nascido no Rio Grande do Sul e atual morador do Paraná, o físico se inspirou em sua longa experiencia como mestre de RPG de mesa para dar vida aos personagens de Draco Saga.
O Draco Dryfr entra em coma e acorda anos depois encontrando a sua sociedade tomada por pragas, que devastam seu planeta na mesma velocidade que se reproduzem. Essas pragas porém, são os humanos, seres gananciosos que encontraram um novo mundo para suprir sua sede por poder, porém o que não esperavam é que o tal novo mundo, já era habitado por seres superiores e poderosos que iam ficar bem incomodados com a presença dos invasores estúpidos.

Muito bem articulados, os Dracos possuem o Conselho dos Sábios, do qual Dryfr agora faz parte, que esta planejando a exterminação das tais pragas. O plano é simples, despertar a ira deles, fazendo com se matem entre si, sem precisar que nenhum Draco se machuque ou morra por causa disso, porém alguns fatos acontecem provando que a tal praga não é tão inferior assim.

Os Dracos são seres bem poderosos e inteligentes, detentores de um poder indiscutível, o que os torna seres superiores e arrogantes. A arrogância deles é tanta que os torna burros e cegos para fatos óbvios, os tais seres inferiores conseguem surpreender por terem a sua capacidade questionada, fazendo com que os Dracos tenham que pensar dobrado para combater essa praga.

Graças as intermináveis observações que os Dracos fazem para entender melhor os humanos, o livro ganhou um ingrediente todo especial, nas intermináveis reuniões dos sábios, era constante a crítica da forma que os humanos se organizam, se relacionam, sobre a sua religião, o que eles julgam importante, o que é certo ou errado, fazendo com que o leitor reflita um pouco sobre a nossa atual sociedade (no começo do livro o autor deixa bem claro que tudo é ficção e que não reflete necessariamente a opinião dele).

O livro como um todo é muito bom, e muito bem escrito, a leitura acontece de forma bem natural e rápida, cheio de detalhes, o leitor consegue viver de fato cada passagem narrada, muitas vezes eu me sentia deitada atrás de uma colina observando os humanos com suas vidinhas sem sentido. Sem contar que tem muitas referencias sobre fatos reais, como a existência do Exercito Romano e etc. Porém, muitas passagens eu não conseguia enxergar os Dracos como Dragões, e sim como Gárgulas.

O que me incomodou muito nos diálogos, foi o ataque de "eu sou o máximo" que as vezes os Dracos tinham, porém se os mesmos não fossem tão arrogantes, eles não seriam os tais Dracos tão poderosos. Outro ponto que muito me incomodou foi o nome difícil dos personagens e um muito parecido com o outro. Nos próximos livros gostaria de ver os Dracos normais na história, os não sábios, já que eles falam que os sábios são os Dracos mais poderosos, então deve existir Dracos normais, e mais cenas sobre a interação entre os humanos e os Dracos.



Quem ficou interessado e quiser participar do Book Tour, é só clicar no selinho ao lado e se inscrever, as inscrições estão abertas e eu recomendo o projeto! Quero agradecer ao Fábio (autor) e a Lara (assessora) pela atenção e pela organização. Parabenizar o Fábio pela obra e pela capa! Espero que você venha pra Fortaleza fazer o lançamento de Draco Saga e A Baronesa aqui o/

Mais Informações:
- Site Oficial: www.dracosaga.com
- Facebook: www.facebook.com/DSSFG
- Skoob: www.skoob.com.br/livro/137540

5 comentários:

  1. Oi Neyara!
    Obrigadíssimo pela resenhae um forte abraço!

    ResponderExcluir
  2. Eu adorei o nome do desafio! hehe. Lembrei do meu marido quando vc falou dos nomes difíceis dos personagens. Ele leu um livro na adolescência e desde então resolveu que umnome HORROROSO de lá seria o nome do filho dele... Aff...

    ResponderExcluir
  3. oi querida,
    parece muito interessante, amei a capa e a sinopse. Fique curiosa tambem pois nao conhecia o autor.
    boa semana
    ;**

    ResponderExcluir
  4. Oie flor ;)
    Meu deus!
    Mulher eu sou medrosa até na leitura. Kkk
    Mais estou melhorando nisso.
    Esse livro parece bastante forte, se tiver a oportunidade estarei, tentando ler,
    Mas, conseguirei pois acabei de ler dois livros do perturbado do Vianco heheh
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Isaso que vc disse sobre o Draco... É... Eu acho legal cada personagem ter sua personalidade, ainda mais personalidades fortes e que impressionam como a do mesmo;

    ResponderExcluir