terça-feira, 31 de janeiro de 2012

[Série] Californication




Californication é uma série exibida originalmente pelo canal ShowTime, em sua quinta temporada o tema central ainda é polêmico, alguns acreditam em um drama bem humorado com pitadas de sexo, outros afirmam ser um pornô leve com um drama suave para enlaçar a história. Apesar do verdadeiro declínio que a história esta sofrendo no decorrer das temporadas, ainda acredito no seu drama bem humorado.

Hank Moody (David Duchovny, o Fox Mulder de Arquivo Xé um escritor em crise criativa que ainda vive dos louros de seu único sucesso. Talentoso, indisciplinado e instável, tenta conciliar sua vida de pai e eterno amante de sua ex-companheira, com seus vícios, álcool, drogas e mulheres. Becca é muitas vezes um pedido incansável para que Hank consiga acertar, a pré-adolescente é bem madura pra idade, é ela quem muitas vezes consegue colocar um pouco de juízo na cabeça do pai. Talvez pela influência, e até mesmo pela idade, ela acaba experimentando um pouco sobre o mundo de drogas, sexo e rock n' roll.



Karen, ex-companheira e mãe de Becca, é o eterno amor de Hank. Tentar reconquista-la é um dos únicos motivos que ele tem para tentar fazer o certo, o que nem sempre da certo, é claro. Depois de muitas brigas, vacilos e irresponsabilidades, ela resolve colocar a fila pra andar, encontrando a felicidade em outros homens, o que deixa Hank com mais motivos pra ser errado. Charlie Runkle é o agente e melhor amigo de Hank, é um verdadeiro esquisitão, tarado e com ejaculação precoce, casado com Marcy, uma louca varrida e maniaca por sexo.

Os episódios vão se desenrolando com os dramas de Hank, a sua tentativa de escrever um novo romance e de reconquistar sua ex-companheira. Apesar de ser um sedutor lindo, charmoso, sincero e tudo de bom, que fica com todo rabo-de-saia que aparece na sua frente, é um homem sozinho, que perdeu sua vez e se nega a buscar novas oportunidades. Por enquanto Karen tenta encontrar sua felicidade com outros caras, mesmo ainda amando Hank, ela entende que ele nunca vai mudar, e que nunca vai conseguir ser feliz ao lado dele.




Talvez poucos olhem a série pelo o ângulo que eu olho, pra mim além de sexo ela fala sobre relacionamento, sobre o amor louco que Hank e Karen sentem um pelo o outro, que apesar da fila andar, eles nunca conseguem se esquecer, o amor não morre, o amor sempre ta lá te deixando com cara de bobo e fazendo com que você perdoe, fazendo com que você faça coisas impensáveis, talvez até se arrependa depois, mas faça pq ainda ama...

Apesar do declínio da série, pois no começo ela mostrava bem essa relação entre os dois, ou melhor, entre os dois + Becca, hoje os episódios são resumíveis a sexo, e/ou piadas sobre sexo, e/ou diálogos como "vou mandar fazer um console igual ao seu p**". Quando eu to lá pensando em desistir de continuar assistindo, surge um diálogo entre Karen e Hank falando que apesar da fila ter andado, o amor continua, que eles ainda se amam, e que quem tiver do lado deles terá que aceitar isso. #chorei


Quem viveu algo parecido? Quem amou a pessoa "errada"?
Hank seu lindo, assim você me mata! Haha

3 comentários:

  1. não consegui assistir nenhum episódio dessa série

    ResponderExcluir
  2. Já ouvi falar bastante dessa série, mas sempre vi os comerciais de TV sobre ela com desconfiança... Acho que não faz meu estilo.

    ResponderExcluir
  3. Oi Neyara! Nunca assisti essa serie, mas parece ser interessante.

    Viu..te mandei um email sobre o Book Tour do livro Contos de Meigan, me responder, tá?!

    Beijao!
    http://rapha-doceencanto.blogspot.com/

    ResponderExcluir